F1

Mesmo com abandono, Leclerc elogia Sauber e fala em “melhor desempenho do ano” em Silverstone

Charles Leclerc minimizou o abandono no GP da Inglaterra e enalteceu o desempenho da Sauber C37 no circuito inglês. O monegasco disse que estar “perto do melhor do resto” na classificação foi importante para a performance da equipe em pista
Warm Up / Redação GP, de São Paulo

Mesmo sem pontuar no GP da Inglaterra, no último domingo (8), Charles Leclerc exaltou o ritmo da Sauber e afirmou que a equipe estava no seu melhor fim de semana da temporada. Para o monegasco, o desempenho do C37 foi melhor em Silverstone do que em outros circuitos e que esse fator proporcionou bom desempenho até a corrida.
 
Leclerc enfrentou um erro da equipe que deixou uma das rodas do carro solta, após a parada nos boxes, levando o piloto de 20 anos a abandonar a prova. Seu companheiro de equipe, Marcus Ericsson, também não completou, por uma falha no controle do DRS causada pelo próprio sueco, levando-o para fora da pista. Ainda assim, Leclerc reconheceu o avanço que observou na Inglaterra e pontuou a melhora como o aspecto mais importante do fim de semana.

“Quando você leva tudo ao limite, às vezes, um erro acontece. Os mecânicos cometeram um erro, mas isso acontece com todos, então não é uma grande coisa. Mas definitivamente o lado positivo disso, pensando que [embora] tenhamos lutado muito, no final, é provavelmente o melhor fim de semana do ano até agora em termos de desempenho”, afirmou em entrevista publicada no site ‘RaceFans’.
Charles Leclerc não completou  a prova em Silverstone, mas destacou o bom desempenho da equipe (Foto: Sauber)
“Estávamos perto de ser o melhor do resto, especialmente também na classificação. Muito perto da Haas até o Q3, quando tiveram um desempenho melhor. Mas nós estamos chegando lá”, adicionou.
 
Enquanto Ericsson parou no Q2 marcando a 15ª posição de largada, Leclerc avançou ao Q3 e começou a corrida andando no nono lugar. Foi a sétima classificação seguida que o monegasco chegou pelo menos na segunda parte dos treinos classificatórios. O piloto acredita que um ponto forte da Sauber é conseguir tirar proveito do carro de forma mais consistente que seus rivais.
 
"Eu continuo pensando que em termos de potencial puro ainda estamos um pouco para trás. Mas somos muito bons em alcançar o equilíbrio certo no carro, o que facilita a condução e é por isso que conseguimos esse desempenho. Então, se os outros continuarem lutando para colocar o carro no equilíbrio certo, isso pode ser melhor para nós. Uma vez que eles consigam o carro no balanço certo, acho que teremos que lutar um pouco mais”, completou.
 
“Mas isso depende. Nos finais de semana somos muito consistentes em alcançar o equilíbrio certo, então isso é muito positivo. Agora só temos que impulsionar um pouco mais o potencial geral do carro, e esperamos que resultados ainda melhores virão”, encerrou Leclerc.